ECONÔMETRO

Economizados com os projetos da Comfort Lux
Economize Com Iluminação Natural - Comfort Lux Ilustra a Matéria Sobre o Assunto na Revista Logística & Supply Chain 09/08/2018 | em : Comfort Lux na mídia

Economize Com Iluminação Natural - Comfort Lux Ilustra a Matéria Sobre o Assunto na Revista Logística & Supply Chain

Ideais para ambientes de grandes dimensões, os domos prismáticos substituem a iluminação por lâmpadas em até oito horas, reduzem a conta de energia e colaboram com a sustentabilidade

Por Claucio Brião

Em tempos de subidaas progressivas no custo da energia elétrica e apelo à sustentabilidade, a iluminação natural prismática cresce no Brasil como alternativa aos sistemas tradicionais, especialmente, em ambientes de grandes dimensões, como galpões industriais, centros de distribuição, supermercados etc.

Dentre as mais avançadas tecnologias em iluminação natural estão os domos prismáticos. Em arquitetura, “domo” é um acabamento externo (cobertura) de uma edificação, de forma esférica ou convexa, que corresponde internamente a uma cúpula ou zimbório. Esse elemento foi usado inicialmente em catedrais e tempos religiosos. A necessidade da redução do consumo de energia elétrica e melhor aproveitamento da luz solar levaram engenheiros e arquitetos da Califórnia, Estados Unidos, a associarem os antigos domos a prismas, ou seja, elementos geométricos delimitados por faces planas, com suas duas bases paralelas. Assim, por volta de 1978, surgiram os domos prismáticos, formados por milhares de microprismas que funcionam como de lentes que fracionam (fragmentam) a luz natural do sol por todo o ambiente. De lá para cá, o sistema se espalhou pelo mundo e vem sendo aprimorado por empresas do ramo. “Atualmente, a patente das lentes prismáticas é de domínio público, porém, os registros de patentes, em todo o mundo, concentram-se no aperfeiçoamento do produto, em suas novas formas construtivas e em suas tecnologias de instalação”, explica Luciano Langaro, diretor comercial da Comfort Lux. Hoje o sistema, que é ecologicamente correto, pode substituir a iluminação tradicional em até oito horas por dia, mesmo em dias nublados.


Sistema de iluminação

O sistema de iluminação natural utiliza lentes prismáticas posicionadas no nível da cobertura, para captar a luz solar e conduzi-la para o interior do ambiente. Segundo Langaro, a utilização de lentes duplas cria e mantém o colchão de ar isolante, que retém o calor inerente à iluminação solar.

“Graças ao efeito dos prismas, a área de captação solar é até três vezes menor se comparada a área necessária à iluminação natural por telhas translúcidas comuns ou de policarbonato, contribuindo para um maior conforto térmico”, explica.

Em áreas com forro, são usados dutos de alta reflexão para conduzir a iluminação da cobertura até um segundo nível de lente. Prismas ópticos integrados às lentes promovem a reflexão da radiação infravermelha e a filtragem de até 98% dos raios ultravioleta, permitindo apenas a passagem de luz visível, com 100% de Índice de Reprodução de Cores (IRC). Por ação de difração, a iluminação é espalhada uniformemente no ambiente, permitindo o desligamento das lâmpadas por uma média de oito horas ao dia.


Instalação

De acordo com o diretor comercial da Comfort Lux, descontando-se os dias de chuva, pode-se instalar a quantidade de lentes correspondentes a uma área de 500 metros quadrados por dia. Portanto, a instalação do sistema em uma área de 5 mil metros quadrados, leva aproximadamente dez dias apenas. E se o telhado for antigo? A única restrição é que não haja nenhuma construção acima da área do telhado, onde são instaladas as lentes prismáticas.

“Estudamos continuamente novos métodos para facilitar o trabalho de montagem e instalação do sistema, reduzindo os prazos de permanência das equipes nas obras”, conta Langaro.


Precisão

Os engenheiros e técnicos responsáveis pelos projetos da Comfort Lux são especializados em Construção Civil, Elétrica e Luminotécnica. Seus projetos são baseados na NBR ISO/CIE 8995-1, ABNT (Associação Brasileira de Normas Técnicas), que estabelece “diferentes níveis de iluminância conforme o tipo de ambiente, suas características construtivas e suas finalidades de uso”. O corpo técnico também utiliza um software para dimensionar a área correta de captação solar de cada projeto.O aplicativo utiliza as coordenadas geográficas do empreendimento para verificar as médias deradiação daquela localidade nos últimos 20 anos. “Isso contribui para saber a quantidade de lentesprismáticas necessárias para determinado nível de intensidade de iluminação num ambienteespecífico. “Projetos localizados no Sul do Brasil tendem a ter um número maior de lentes por metro quadrado em relação aos de mesmo porte localizados em outras regiões do País”, exemplifica Luciano.


Como a iluminação natural prismática, a economia de energia elétrica pode chegar a 70% durante o período do dia e o tempo médio de retorno do investimento na aquisição do sistema é de aproximadamente 2,5 anos.” Luciano Langaro, diretor comercial da Comfort Lux.


Economia

Segundo Luciano, o tempo médio de retorno do investimento na aquisição de um sistema de iluminação natural prismática é de aproximadamente 2,5 anos, dependendo da tarifa de energia paga pelo cliente e do tipo de iluminação artificial que é, ou será, utilizada na área em estudo. No caso da Comfort Lux, como a garantia das lentes prismáticas é de dez anos contra amarelamento ou ressecamento, após o retorno do investimento, há ainda um longo período de ganho dentro da própria garantia do produto. O diretor comercial explica que o sistema pode ser combinado ao uso automatizado de luminárias LED dimerizáveis (que possibilitam regular a intensidade do brilho). “Neste caso, a economia de energia elétrica pode chegar a 70% durante o período do dia”, finaliza. A economia também se deve à baixa necessidade de manutenção. É recomendada apenas uma limpeza semestral das lentes prismáticas superiores, manualmente, com água, sabão neutro e escova de cerdas macias. Além disso, a empresa aconselha revisar o sistema de vedação, a cada cinco anos.


Mercado

A Comfort Lux possui mais de 23 mil lentes prismáticas instaladas em mais de 900 obras no Brasil e em países como Equador, Chile e Peru. Dentre as mais recentes está a nova fábrica da Kraft Heinz, na cidade de Nerópolis, em Goiás. São mais de 36 mil metros quadrados de área fabril, operando sem o acionamento de luz artificial durante a maior parte do dia. Em média, o projeto irá assegurar níveis de iluminamento superiores a 500 lux (unidade de medida de iluminamento), utilizando apenas a luz solar.

Revista completa: PDF, ISSUU




+55 51 3362-1680